Os Esquecidos da Semana (30/03 – 07/04)
Os esquecidos da última semana (Montagem: MMA by Neko)

Os Esquecidos da Semana (30/03 – 07/04)

Segunda-feira é dia dos esquecidos do MMA, aqueles lutadores que já tiveram um destaque, seja lutando em grandes eventos ou chamando a atenção da mídia por algum motivo. Vejamos onde esses atletas estão e com quem lutaram recentemente, além do acréscimo do “Prospect da semana”, lutadores que merecem algum destaque e estão na mira dos maiores eventos.

Sexta-feira (04/04)

– Legacy Fighting Championship 30:


Em um dos eventos emergentes do EUA, o Legacy FC, a multi campeã de boxe que já está negociando com o UFC, a americana Holly Holm, enfrentou a brasileira Juliana Werner, e acabou ganhando com um belo nocaute técnico, aplicando um chute na cabeça e terminando com socos, aos 1:50 do round 5.

 


Com duas passagens pelo Bellator MMA e ex-campeão do KOTC, o americano atleta da Jackson’s MMA, Donald Sanchez, acabou sendo derrotado pelo veterano lutador brasileiro Flavio Alvaro, por decisão unânime.

 


E parece que a noite no Legacy FC não foi mesmo a noite mais feliz para os ex-Bellator, já que o americano Adrian Cruz acabou empatando de maneira dividida com o mexicano Enrique Briones.

 

– M-1 Challenge 47:


Na Russia, o veteraníssimo de 43 anos, com passagens pelo UFC e Strikeforce, o americano Jeff Monson, acabou sofrendo a sua quinta derrota consecutiva, e foi nocauteado pelo francês Chaban Ka, com socos, com apenas 1:31 de luta.

 

Sábado (04/05)

– American Predator Fighting Championship 16:


Na luta princial do APFC 16, o veterano com passagem pelo UFC, o americano Jeremy Horn finalizou o também americano Dan McGlasson, ainda no round 1, com 3:45 de luta.

 


Outro vencedor com finalização no APFC, foi o americano ex-Strikeforce e ex-Bellator, Louis Taylor, que acabou encaixando uma guilhotina no também americano Robert Gotreau, ainda no primeiro round, aos 2:06.

 

– Inoki Genome Fight 1:


Na estreia do evento que leva o nome do ícone do Pro Wrestling e MMA, Antônio Inoki, o Inoki Genome Fight, em Tokyo, Japão, o medalha de ouro de Judô nos Jogos Olímpicos de 2008, o japonês Satoshi Ishii, acabou vencendo o ex-UFC Phil De Fries por decisão unânime.

 


O veterano japonês ex-Pride, Ikuhisa Minowa finalizou o estreante no MMA, o sueco Goran Jettingstad, com a inusitada Achilles Lock, forçando o estreante a dar os três tapinhas ainda no round 1, com 2:26.

 


Já o peso pesado americano, com passagem pelo Strikeforce e Bellator, Brett Rogers, precisou de apenas 28 segundos de luta para nocautear o japonês Yusuke Kawaguchi com socos, e voltar a se encontra com as vitórias após duas derrotas consecutivas.

 

– BAMMA 15:


Em Londres na Inglaterra, na luta principal do British Association of Mixed Martial Arts de número 15, o inglês ex-UFC Oli Thompson teve uma noite para esquecer, e acabou sendo finalizado pelo albanês Gzim Selmani com uma guilhotina em apenas 18 segundo de luta.

 


Outro ex-UFC e vice-campeão do TUF: The Smashes, o inglês “Freakshow” Colin Fletcher derrotou o americano Tony Hervey, por decisão dividida.

 

– MMA DownUnder 5:


Fechando a semana dos esquecidos, o brasileiro ex-Bellator Cleber Luciano, foi lutar em Adelaide, na Austrália, e saiu vitorioso ao encaixar uma Kimura e finalizar o atleta local Patrick Conroy ainda no primeiro round. A organização do MMA DownUnder não informou o tempo de luta.

 

– Prospect da Semana:


Com apenas 19 anos, a campeã dos pesos-galos feminino do Jungle Fight, a paraense Larissa Pacheco finalizou Liziane Silveira, com um triângulo, aos 2:25 do round 3, mantendo o seu cinturão além do cartel invicto com 10 vitórias, e deve aparecer no UFC em breve.

 


Outro nome para se ficar de olho é o peso-pesado georgiano Guram Gugenishvili, que voltou a se encontrar com a vitória, e após duas derrotas consecutivas, nocauteando o australiano Tony Bonello, no card do Inoki Genome Fight 1, com apenas 3:34 de luta.

Sobre Fernando Neko

Editor-chefe e fundador do MMA by Neko. Empreendedor na área de mídia esportiva focada no MMA (Mixed Martial Arts) com mais de 7 anos atuando na área de jornalismo esportivo ligado ao MMA, Neko já foi colaborador de diversos veículos de comunicação relacionados ao tema.